Menu

História – KOF 99

Meses antes do torneio da KOF 99 Ralf, Clark e Leona fazia uma investigação que os leva em uma série de lugares conectados a túneis. Em uma missão eles encontram uma mulher que logo fará parte do seu time em KOF cujo o nome é Whip que naquele momento também trabalhava sobre as ordens de Heidern. O grupo foi chamado pelo comandante para o assunto The King of Fighters desse ano, pois apos muitos acontecimentos estranhos, Heidern tinha um pressentimento que havia algo muito estranho por trás do torneio desse ano

Shingo Yabuki e Benimaru Nikaido formam time com dois desconhecidos o primeiro se chamam K’ o único que tem capacidade de combater Kyo Kusanagi; o segundo e Maxima, um tipo de Robô que possui a técnica de pegar dados dos seus combatentes. O mais incrível foi a entrada de dois participantes isolados. Tratavam-se de dois Kusanagi! Era notável como os dois se assemelhavam ao mais poderoso dos lutadores, Kyo Kusanagi. Ambos eram clones e usavam as técnicas lendárias de Kusanagi que fizeram de Kyo a lenda que ele é. Como eles poderiam estar ali? Será que eles sabiam alguma coisa sobre o paradeiro de Kyo? Antes que qualquer pergunta pudesse ser feita, o torneio já estava em desenvolvimento.

A equipe de K’ chega a fase final. Enquanto o novo Time Heróis estava esperando a chegada do outro time, o fluxo de esgoto secou, ao mesmo que corria alguns cabo s por debaixo deles. De repente se encontravam de pé em uma superfície de metal. Como se não bastasse, o chão começou a se mover e enviou os quatro guerreiros abaixo! Era uma plataforma de elevador enorme que estava enviando os lutadores ao subterrâneo, em um local desconhecido. Enquanto isso, os Guerreiros de Ikari, comandados pelo chefe da esquadra mercenária, Heidern, estavam monitorando várias partes do mundo e descobriram um padrão notavelmente estranho. Várias ondas de rádio estavam sendo emitidas de muitos países. Heidern ordenou que investigassem as origens de tais sinais e para sua surpresa, todos os sinais vinham de réplicas exatas de Kyo Kusanagi! Haviam Kyos no mundo inteiro! K’ vence Krizalid sem nenhuma dificuldade.

Krizalid permanece caído e durante algum tempo e se levanta lentamente e começa a rir e diz a eles que usou o nome do torneio para chamar os lutadores mais fortes, assim ele poderia traze-los com mais facilidade e realizar sua meta. De repente, todas as telas exibem a mesma imagem: cenas das réplicas de Kyo Kusanagi ao redor do mundo. Krizalid revela que havia levado o corpo inconsciente do Kyo Kusanagi original depois do esforço feito por este na última batalha contra o Clã Orochi e coletou uma amostra de seu DNA, fazendo vários clones. Dois deles entraram no King of Fighters. Contudo, o verdadeiro Kyo Kusanagi escapou no meio do processo e seu paradeiro é desconhecido. Krizalid introduziria os dados que ele tinha coletado dos lutadores na última batalha para ativar os clones e lideraria um ataque maciço que levaria todos os governos do mundo a rendição. Krizalid revela que se fundiu com o poder de Kusanagi e que K’ não passava de seu clone. No entanto, K’ não tinha controle sobre seu poder como Krizalid. Ele era forçado a usar uma luva especial para reter o imenso poder dentro de si. K’ se recusa a acreditar nas palavras de Krizalid, mas quando este lhe pergunta sobre seus pais e sua infância, K’ fica mudo. Como ele podia não se lembrar disto?. De repente, Krizalid queima suas roupas e fica usando restos do terno antigo

E a verdadeira batalha começa! Rapidamente Krizalid derrota Shingo e Benimaru. Usando o poder de Kusanagi, Krizalid se tornou ainda mais violento e não havia ninguém que pudesse resistir a tamanho poder. Maxima e K’ estavam sós lutando contra ele. Apesar de lutarem, o poder superior de Krizalid quase lhes obriga a se porem de joelhos. Krizalid ri, mas fica impressionado com a resistência dos guerreiros. Ele estava pronto para por um fim nos dois quando Maxima o agarra por trás, deixando Krizalid imóvel. Máxima grita para que K’ use seu total poder e libere tudo numa explosão de chamas em Krizalid. A explosão consome Krizalid que desaparece em meio as chamas. Máxima e K’ caem exaustos, mas seguros da vitória. Contudo, quando ambos estavam ajudando Benimaru e Shingo a se levantarem, Krizalid reaparece atrás deles. Maxima e K’ ficam confusos e já não lhes restavam mais forças. Krizalid estava furioso e, mais uma vez, prestes a eliminar a dupla. De repente uma explosão de chamas rasga Krizalid, iluminando todo o local. Krizalid cai e outra figura misteriosa vem se aproximando. K’ sente uma presença familiar. Benimaru e Shingo não podiam acreditar no que viam, mas era realmente ele. Kyo Kusanagi, o real Kyo! Kyo sorri e cumprimenta seus amigos. Krizalid se levanta lentamente a seus pés. Ele não podia acreditar no que havia acontecido. Nesse instante, um brilho de luz muito intenso cerca a todos. Uma voz onipotente grita: “Você falhou”. Agora medroso e inseguro, o uma vez furioso Krizalid implora pela própria vida. Ele ainda podia ativar os clones com os dados que ele coletou. No entanto, os clones já haviam sido desativados e os dados seriam guardados para outra ocasião. Todos os agentes deste projeto devem ser eliminados. Krizalid fica paralisado pelo medo, mas ele não tem que pensar nisto agora. Uma pedra enorme cai em cima dele, enterrando Krizalid ao chão.

E o lugar começa a desmoronar, e rapidamente todos correm para deixar a área rapidamente. Mas antes de deixarem completamente o lugar, uma voz misteriosa chega a Kyo: “Você sabia que eu voltaria para te pegar…” Kyo acena e afirma: “Bem, aquele sujeito que brinque como quiser. Só os da linhagem de sangue podem controlar tal poder! Ele não tinha nenhuma chance!” A figura vem para a luz e aparece sorrindo. Era Iori Yagami que também havia voltado. Ele sorri e diz: “Você tem boa memória seu… nós realmente fizemos esse grande feito?”. Kyo há pouco encolhe os ombros e diz: “Realmente precisava perguntar?”. Assim já não a mais ódio em seus olhos.

Despois do torneio, a NESTS inicia um novo projeto secreto conhecido como “Rising”. E ordena aos seus homems a buscar K’ e Maxima que havia escapado da zona com dados que podem ser de extrema utilidade.